×

Busca

(314) registro(s) encontrado(s) para a busca: Política
Política / 08 de dezembro de 2019 - 16H 14m

“Targino e Dayane juntos equivale Zé Ronaldo e Colbert”

O presidente do PSL em Feira de Santana, Alberto Pimentel, garantiu em publicações feitas em um grupo de WhatsApp que a deputada federal Dayane Pimentel disputará a prefeitura de Feira em 2020. “Dayane Pimentel vem candidata em Feira em 2020. Não sejamos inocentes, Zé Ronaldo com toda experiência que tem vai ficar observando os números reais das pesquisas até a boca da campanha para decidir quem irá apoiar”, escreveu. Alberto e Dayane tem enfrentado criticas nas redes sociais desde que romperam relações com o presidente Jair Bolsonaro, mas mesmo assim ele acredita que a esposa é uma forte candidata. “De todos os candidatos a nível partidário que vai ter mais estrutura é Dayane Pimentel pois é deputada federal e presidente do partido que tem o maior tempo de TV, rádio e fundo partidário. Vai ser uma boa disputa e terá segundo turno com certeza em Feira. Presidente estadual e eu sou o presidente município do partido. Não iremos fazer uma campanhazinha modesta não, faremos A CAMPANHA”, prometeu. No grupo, que é formado em sua maioria por pessoas ligadas a política, ele afirmou ter pesquisas de consumo interno em que Zé Neto lidera e Targino Machado, Colbert Filho e Dayane aparecem empatados. Alberto minimizou ainda a importância do apoio do ex-prefeito José Ronaldo e deu indícios que pensa em uma aliança com o deputado estadual Targino Machado. “O apoio de Ronaldo é importantíssimo mas não é tudo. Targino e Dayane juntos equivale Zé Ronaldo e Colbert”, escreveu.

Feira de Santana / 04 de dezembro de 2019 - 18H 24m

Jornalista Glauco Wanderley lança livro em Feira de Santana

O jornalista Glauco Wanderley lança na próxima quarta-feira (11), em Feira de Santana, no Seriguela Petiscaria, a partir das 19 horas, o livro de ficção Segredos do Planalto. A obra tem como personagens centrais os membros da família Bonamigo e foi inspirada na eleição de 2018, que levou Jair Bolsonaro ao poder. A trama gira em torno de Jairo, presidente da República em busca da reeleição, e sua filha Valéria, responsável pela comunicação do pai. Focando em mídia digital, conseguiu elegê-lo contra todas as previsões, usando e abusando de fake news. Valéria, porém, guarda um segredo que pode arruinar a credibilidade de Jairo e botar tudo a perder. Um segredo que precisa esconder sobretudo do adversário com quem convive de perto, o candidato a vice-presidente, João Félix. Deputado pelo Rio Grande do Sul e líder religioso, ele também se apresenta como Apóstolo João e afirma ser ex-gay. É o ambicioso fundador da igreja pentecostal Deus é Mais. Como homem forte no primeiro mandato, ele quer consolidar a influência sobre Jairo, enfrentando a resistência de Valéria. O autor conta no prefácio que, apesar da inspiração ter sido a eleição do ano passado, a política é apenas pano de fundo. “A história é sobre as pessoas, suas motivações, ações e as consequências que geram, sobretudo para elas mesmas”, sinaliza. Por mais de 20 anos, o jornalista Glauco Wanderley atuou profissionalmente com muito destaque em diversos veículos de comunicação de Feira de Santana, entre eles TV Subaé, jornais A Tarde, Tribuna Feirense, Feira Hoje e Rádio Subaé. Atualmente, ele reside no Rio de Janeiro, mas mantém fortes laços com Feira.

Política / 03 de dezembro de 2019 - 15H 10m

Deputado reclama de falta de comunicação com Colbert e ameaça candidatura a prefeito

O pastor e deputado federal baiano Márcio Marinho revelou em entrevista ao site Bahia Notícias que pode lançar candidato a prefeito pelo Republicanos em Feira de Santana. Comandante da sigla na Bahia, ele cobrou de Colbert Martins (MDB), atual prefeito de Feira, um maior diálogo. “Tudo tem que ter comunicação. Se o pai não se comunicar com o seu filho, o filho fica distante do pai. Se o marido ficar distante da esposa, vai ter problemas. Nessa distância muitas coisas acontecem. Tenho certeza que Colbert Martins está vendo essa distância que está estabelecida nos partidos que integram sua base. Mas ainda é tempo de fazer uma reaproximação”, ponderou o deputado sobre o emedebista. Em Feira, o partido é presidido pelo deputado estadual José de Arimatéria. “O atual prefeito de Feira de Santana tem dificuldades de conversar com as lideranças políticas que compõe a sua base E isso é um dificultador. Todas as pessoas têm que conversar. Ninguém consegue sobreviver no ambiente político sem ter a tranquilidade de sentar com as pessoas e conversar. Nós apoiamos Zé Ronaldo por causa do seu perfil de cumprir os acordos políticos. No meu ponto de vista, queremos candidaturas do partido nas principais cidades do estado da Bahia. Dito isso, Feira de Santana é uma dessas cidades”. Antigo PRB, o Republicanos tem um representante no governo Colbert, é o vereador licenciado, Eli Ribeiro que atualmente atua como Secretário de Habitação.

Câmara de Feira / 25 de novembro de 2019 - 15H 41m

Vereador se diz perseguido por homossexuais

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta segunda-feira (25), na Câmara de Feira de Santana, o vereador Edvaldo Lima (PP) repercutiu os processos que estará respondendo. “As pessoas que fazem política no ‘toma lá dá cá’ não se preocupam muito com as coisas, mas este vereador não faz política dessa maneira; faço de acordo com a Constituição Federal e as leis do nosso Município. Estou sendo processado pela Organização Interamericana, pois têm pessoas incomodadas com minhas posições, dizem que estou tirando seus direitos. Não tiro direitos, mas não coloco minhas digitais no que não está na CF. Defendo os direitos e valores da família. Esse grupo LGBT, que me processou, está tentando parar o vereador Edvaldo Lima. Foram seis processos em dois meses”, pontuou Edvaldo Lima.  “Não estou preocupado com estes processos, me preocuparia se fosse processado por corrupção. Mas, infelizmente está acontecendo em nosso país o que não deveria: criança incentivada a tocar num homem nu em exposição. Fiz uma moção de repúdio contra isso, que foi aprovada nesta Casa e isso está incomodando o ativismo gay. Não vou abrir mão de defender os cristãos”, garantiu. Segundo o edil, essa conduta afronta a religião. “Isso afronta minha fé, é cristanofobia e vou usar a mesma via para processar eles por essa discriminação. Eles não respeitam as famílias brasileiras. O povo brasileiro é cristão, somos maioria e a minoria quer calar as bocas dos pastores, dos que servem a Deus. Colocaram uma cruz, um símbolo da Igreja Católica, no ânus de uma pessoa. Isso é um desrespeito. Eles vão receber um processo agora por isso, precisam respeitar a fé e a religião das pessoas”, afirmou. Edvaldo diz estar agindo sem medo. “E faço isso sem medo. Sou um cristão e creio verdadeiramente no Deus que eu sirvo, não brinco de ser cristão. Esse ativismo gay não vai calar a minha voz. Sabe o que eles querem? Isso aqui: professor pede que estudantes elaborem uma redação sobre sexo oral e anal. Está aqui a matéria. Isso aconteceu em Brasília. É esse grupo que está me processando, que são contra os valores familiares. Venham até esta Câmara para olharmos olho no olho. Estes professores deveriam sair das salas de aula direto para o presídio”, avaliou. E tratou sobre a união homossexual. “Todos aqui nasceram de homem com mulher. Não é diferente e não vai ser nunca, pois Deus não permite que homens gerem filhos. Parece que as famílias brasileiras estão dormindo e não percebem que estas pessoas querem acabar com elas. Mas, não vão conseguir. Tenho aqui em mãos duas queixas crimes: uma contra um museu, que estava ensinando tudo que não presta e a outra contra a pichação de ameaça de morte feita nesta Casa contra mim”, relatou. Ele criticou a falta de punição para os culpados da ameaça. “Porém, até agora ninguém foi punido, mas tenho certeza que a Polícia Civil sabe quem é. Aguardei até o dia de hoje, mas não vou esperar mais. Estarei levando o caso à Polícia Federal. Aqui dentro deste envelope eu tenho uma carta com ameaça de morte, recebida em meu gabinete. Estarei levando também à PF, porque infelizmente até agora ninguém foi ouvido. O que está pegando delegado, que até agora ninguém foi ouvido? Não vão conseguir calar minha voz, vou continuar clamando”, garantiu. Assista o discurso na integra. 

Política / 22 de novembro de 2019 - 14H 57m

Deputada baiana defende certidões em braile

A deputada Talita Oliveira (PSL) apresentou na Assembleia Legislativa o Projeto de Lei, que assegura às pessoas com deficiência visual o direito de obterem certidões de nascimento, de casamento e de óbito em braile, “a fim de concretizar a dignidade humana de todos os cidadãos”. A emissão dessas certidões não poderá custar mais caro do que as demais. Talita está convencida de que “o sistema braile é o único método eficaz” de comunicação escrita para as pessoas portadoras de deficiência visual. Segundo opina na justificativa da proposição, o acesso à informação, “desde a construção dos valores que são alicerce da sociedade contemporânea, é condição fundamental para o exercício da cidadania, fundamento da República Federativa do Brasil”.  Outro argumento lançado no projeto aponta que o ordenamento jurídico brasileiro, “através do art. 37, inciso VIII da Constituição Federal”, conferiu tratamento especial para pessoas com deficiência. Assim, conclui a autora do projeto, “o Estado – neste caso os cartórios delegatários de serviços públicos – deve promover esforços no sentido de concretizar a determinação do legislador constituinte, visando ampliar a acessibilidade de portadores de necessidades especiais aos quadros do serviço público”. Projeto tramitará pelas comissões de Constituição e Justiça; Agricultura e Política Rural; e Finanças, Orçamento, Fiscalização e Controle.

Câmara de Feira / 21 de novembro de 2019 - 06H 32m

Vereador é intimado pela Organização dos Estados Americanos por falas homofóbicas

Segurando a Constituição Brasileira e a Bíblia Sagrada, o vereador Edvaldo Lima (PP) subiu à tribuna da Câmara de Feira de Santana,  para informar que na última segunda-feira,18, foi intimado a apresentar uma defesa pela Organização dos Estados Americanos (OEA), a qual solicitou explicações sobre o seu mandato, através da Procuradoria Geral da União. Em sua defesa, Edvaldo Lima declarou que sua vida política é pautada na busca pela garantia dos direitos da família tradicional brasileira. Ele também frisou que a liberdade de expressão é um direito garantido pela Constituição de 1988. “Esse é um direito sagrado. A liberdade de expressão funciona como um verdadeiro termômetro do estado democrático”, disse. Emocionado, o edil lembrou que, durante sua caminhada, foi escolhido pelos feirenses por ser um homem íntegro que sempre esteve ao lado da honestidade. “Por oito anos tenho feito nesta Casa inúmeras defesas em favor da criança, do adolescente, da família, da ética e da moral. Inclusive me orgulho de ter conseguido barrar a distribuição da cartilha gay e a implantação da ideologia de gênero, até porquê meus valores são inegociáveis. Durante esse tempo fui ameaçado de morte e, mesmo assim, não voltei atrás com os meus ideais”, afirmou. Referenciando o jurista brasileiro, Rui Barbosa, o parlamentar ressaltou que a divergência de ideias e o direito de expressar opinião não podem ser restringidos, para que a verdadeira democracia possa ser vivenciada. Ao concluir, o vereador julgou o processo movido contra ele inconstitucional e exigiu que sua imunidade parlamentar seja respeitada. “Eu sou um vereador eleito pelo voto popular. Possuo minhas prerrogativas e as reivindico”, protestou. Ele também agradeceu o apoio da comunidade evangélica, a imprensa, os amigos e a família. “Gostaria de agradecer a todos que estão ao meu lado, nos momentos de alegria e sobretudo nos momentos de perseguição”, finalizou. Edvaldo já deu diversas declarações consideradas homofóbicas e preconceituosas. Em março ele acusou a cantora Daniela Mercury de invocar demônios e fazer apologia a homosexualidade. O vereador tentou impedir a cantora de participar da Micareta.

Política / 15 de novembro de 2019 - 06H 53m

Deputado feirense vai se filar ao novo partido de Bolsonaro

O deputado estadual Pastor Tom confirmou, em entrevista ao site Política Livre, que vai deixar o PSL.  Junto com ele, vão os deputados estaduais Capitão Alden e Talita Oliveira que já haviam declarado que também iriam se desfiliar da legenda para entrar no novo partido “Aliança pelo Brasil” a ser criado pelo presidente Jair Bolsonaro. A bancada baiana do PSL ficará apenas com a deputada federal Professora Dayane Pimentel. O Pastor Tom acredita que como foi eleito pelo Patriota e o partido foi extinto por não alcançar a cláusula de barreira  pode trocar de partido quando desejar.

 

Política / 11 de novembro de 2019 - 07H 02m

PCdoB de Feira elege novo presidente

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) em Feira de Santana realizou na última quinta-feira (7) a  Conferência Municipal. O evento, realizado no Clube dos Bancários, teve despedida de Luciano Soares da presidência e eleição dos novos membros. Em clima de união e combatividade Aroldo Moreira foi eleito presidente e Gilson Lima, vice-presidente. Na ocasião, também foram escolhidos os delegados para Conferência Estadual do PCdoB. Os demais membros da Comissão Política serão eleitos na primeira reunião da Comitê Municipal. O encontro teve como tema “A Defesa da Democracia”.

Política / 10 de novembro de 2019 - 20H 43m

Partido usa inteligência artificial para conseguir filiados

O Encontro Nacional do Avante, realizado em Salvador, trouxe uma novidade que promete revolucionar a forma que os partidos atraem filiados. O presidente da legenda, o deputado federal Luis Tibé revelou que uma ferramenta de inteligência artificial desenvolvida em parceria com a IBM, empresa americana que atua na área de tecnologia da informação, está sendo utilizada pelo Avante para conseguir divulgar e atrair cada vez mais pessoas para o partido. “Foram 2 anos trabalhando com a IBM para trazer a inteligência artificial para nos ajudar a entender e a buscar o crescimento do partido”, disse. Ele explica que, na prática, a ferramenta, identifica possíveis lideranças no perfil que o partido quer. “Essa ferramenta vai disponibilizar aos presidentes estaduais uma gama de pessoas, pessoas do bem, que precisam e que podem participar da política, para que eles busquem essas pessoas e que tragam elas pro Avante”, explicou. Tibé informou que a ferramenta está funcionando faz 1 semana e já identificou 22 mil nomes, em todo país com perfil para ser membro do partido. “Junto com a inteligência artificial vamos ter uma ferramenta EAD para qualificar as pessoas que estão vindo, para que elas sejam representantes da população e desempenhem bem o seu papel. Esse o anseio das pessoas hoje. O eleitorado quer resultado, quer debater ideias”.

Política / 10 de novembro de 2019 - 20H 21m

Sargento Isidório é aclamado candidato a prefeito em encontro do Avante

O auditório da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) recebeu diversas autoridades políticas do país, neste sábado (09), durante o Encontro Nacional do Avante e um deles saiu de lá ovacionado. O deputado federal Pastor Sargento Isidório foi a principal estrela do evento e viu seu nome ser citado por todos que discursam como um forte candidato na corrida pela prefeitura de Salvador em 2020. Políticos como Otto Alencar (PSD), Angelo Coronel (PSD), Antonio Brito (PSD), Edvaldo Brito (PSD), Zé Neto (PT), Nelson Leal (PP), Joice Hasselmann (PSL), José Eduardo Cardoso, Luis Tibé e João Leão exaltaram o trabalho de Isidório no comando da Fundação Dr. Jesus, que reabilita usuário de drogas. Aos gritos de “prefeito”, Isidório foi o último a discursar e prometeu governar para os pobres. “Quem for rico, pode ficar tranquilo, que no mínimo vamos fazer manutenção do possuem. Não iremos governar desrespeitando rico. Estenderemos a mão ao rico e o convidaremos para ir ali conhecer a pobreza”, disse. Antes, o vice-governador João Leão já havia dito o mesmo em tom de provocação ao atual prefeito. “ACM Neto governou para os ricos. Isidorio vai governar para os pobres”. O pastor reclamou estar sendo alvo de fake news sobre o Carnaval de Salvador. “Disseram que eu ia acabar com o Carnaval. Tenho uma notícia para quem está dizendo que eu posso acabar o carnaval. Já conversei com algumas pessoas, acho que vamos é criar mais um circuito do carnaval na Paralela”, anunciou.

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov