×

Busca

(502) registro(s) encontrado(s) para a busca: Câmara de Feira
Feira de Santana / 22 de abril de 2020 - 16H 20m

Vereador Pablo Roberto anuncia que vai voltar para Sedeso

O vereador Pablo Roberto (DEM) utilizou a tribuna da Câmara Muncioal, na sessão ordinária desta quarta-feira (22), para anunciar que vai retornar ao comando da Secretaria de Desenvolvimento Social de Feira de Santana (Sedeso), na próxima semana. O parlamentar assumiu a titularidade da pasta por aproximadamente 10 meses e retornou para Câmara há pouco mais de duas semanas, obedecendo o prazo para desincompatibilização da Justiça Eleitoral. Ele enfatizou a experiência adquirida no comando da Secretaria de Desenvolvimento “um grande momento, tive a oportunidade de servir a minha cidade, as pessoas que mais precisam” “Quando assumi a Sedeso, no ano passado, firmei um compromisso com o prefeito Colbert sobre a possibilidade de não disputar as eleições deste ano. Passamos as últimas semanas conversando e tomamos a decisão, na semana passada, do meu retorno a Secretaria. É uma decisão difícil, por isto foi demorada. Continuaremos caminhando junto com o Executivo Municipal, até pela importância da pasta neste momento de pandemia. Acredito no prefeito, no projeto dele e na forma como está conduzindo.”, justificou.

Feira de Santana / 20 de abril de 2020 - 14H 34m

Colbert contrata advogada para ensinar funcionários da prefeitura a fazer licitação

Em tempos de coronavírus todos os gastos públicos são questionáveis. Pensando nisso, o vereador Roberto Tourinho (PSB) questionou, durante sessão na Câmara, o prefeito Colbert Filho (MDB) sobre uma publicação do Diário Oficial de inelegibilidade de licitação no valor de R$48 mil para contratação de uma advogada. “Vivemos um momento de dificuldades. A prefeitura tem uma procuradoria geral, 4 subprocuradores, aproximadamente 15 procuradores, uma grande quantidade de advogados trabalhando na condição de cargo de confiança, uma comissão permanente de licitação com advogados e mesmo assim contrata a advogada Marla Oliveira por 3 meses pagando R$ 48 mil para prestação de serviço em assessoria e consultoria”. O vereador afirmou que esse tipo de contrato é uma imoralidade. “Ela foi contratada para que possa dar parecer sobre contratação de obras públicas. O que a prefeitura vai fazer que precisa da expertise dessa supra sumo?”, questionou. Em entrevista ao radialista Luiz Santos, o prefeito justificou a contratação. “A contratação dessa pessoa se deve a introduzir em Feira uma forma de licitação chamada regime diferenciada de contratação, nunca fizemos isso, e estamos contratando uma equipe que sabe montar isso para que possamos fazer mais rápido. Esse tipo de contratação é mais eficiente, objetivo é quem tem experiência nos treinar para agilizar licitações que na prefeitura as vezes demoram”, disse. Diversos contratos da advogada Marla Oliveira com outras prefeituras podem ser encontrados facilmente na internet com descrição de serviços semelhantes aos de Feira, entretanto com valores diferentes. Em Nova Viçosa ela cobrou R$ 73 mil em cinco parcelas. Em Coração de Maria, R$ 201 mil em doze meses. Todos contratos firmados por inexigibilidade de licitação.

Câmara de Feira / 03 de abril de 2020 - 10H 28m

Vereador do PT propõe cancelar aumento salarial de vereadores  

Diante da Pandemia do Coronavírus, governantes e políticos de todo o mundo têm buscado alternativas de combate à doença que já causou milhares de mortes. O vereador Alberto Nery  (PT) defende que a Câmara Municipal de Feira de Santana também adote medidas com esse objetivo. O edil vai apresentar indicação com medidas de redução de despesas que se adequem à realidade do cenário atual.  “Estamos vivendo um momento crítico. A Pandemia já vitimou milhares de pessoas pelo mundo e tem causado danos irreparáveis na Economia. Aprovamos nesta quinta-feira (2) projeto de lei enviado pelo Executivo que proíbe cortes de luz e água, e aumento abusivo de produtos e serviços durante o período de Calamidade Pública. Além disso, a verba do orçamento impositivo foi completamente direcionada às ações do Coronavírus, o que totaliza mais de 5 milhões de reais.  Mas além de amparar a população que está sofrendo com os impactos, é preciso que todos, sem exceção, se adequem a esse triste cenário”, explica Nery.  Para o oposicionista, a Câmara Municipal deve suspender algumas iniciativas que resultem em economia de dinheiro público. “A minha sugestão é que sejam suspensas já agora em 2020, sessões solenes e viagens para congressos. A economia pode ser devolvida ao Poder Público Municipal para que este, a direcione para ações de saúde, sob a fiscalização do legislativo”, defende.  O aumento de salário dos vereadores aprovado para ser implementado na próxima legislatura, é outro ponto que deve ser cancelado de acordo com Nery. “A crise econômica indica que teremos um caminho longo para recuperação. Nesse período, toda e qualquer ação que represente redução de gastos públicos é necessária. Por isso não faz sentido um aumento de salário que já é maior do que média brasileira”, argumenta.  Na época da votação do aumento, o petista votou favorável. As ações deverão ser apresentadas para apreciação da Casa, assim que os trabalhos legislativos forem retomados. “Tenho convicção de que esse é um caminho. E acredito que os colegas irão abraçá-lo. No mais, é continuar pedindo a população que siga as orientações da Organização Mundial de saúde; lave as mãos e se puder, fiquem em casa”, finalizou.

 

Foguetinho / 02 de abril de 2020 - 20H 43m

Pimenta com Ronaldo

O Democratas de Feira de Santana, partido comandado pelo ex-prefeito José Ronaldo, vai contar com um reforço de ex-inimigos para eleição de outubro. A ex-deputada estadual Graça Pimenta, esposa do ex-prefeito Tarcízio Pimenta se filiou ao partido e deve ser uma das candidatas a vereadora. A família Pimenta vive uma relação de amor e ódio com Ronaldo. Foram aliados em 2008 e adversários ferrenhos em 2012 nas eleições municipais. Afastada da política desde 2015, a enfermeira conta com o espólio político do marido para tentar chegar à Câmara. O DEM feirense vai ter uma chapa forte. O quadro do partido conta ainda com os vereadores Carlito do Peixe, Zé Curuca, Cadmiel Pereira, Marcos Lima, Lulinha, Pablo Roberto, Neinha Bastos, Gerusa e Luiz da Feira. O vereador licenciado Justiniano França não pretende disputar à reeleição e busca ser o indicado como vice-prefeito na chapa encabeçada pelo prefeito Colbert Filho (MDB).

 

Câmara de Feira / 16 de março de 2020 - 19H 18m

José Carneiro deixa o PSDB

Em pronunciamento, na tribuna da Câmara, nesta segunda-feira (16), o presidente do Legislativo, vereador José Carneiro Rocha, comunicou a sua desfiliação do PSDB. O vereador deixa o partido em busca de uma sigla que faça parte da base governista do prefeito Colbert Martins (MDB) e que ofereça maior probabilidade de ser reeleito.“ Eu saio convicto de que honrei a passagem pelo PSDB. Tenho mais 15 dias para decidir para onde irei, mas, tenho certeza que irei para um partido que faça parte da base do prefeito”, disse.

Câmara de Feira / 12 de março de 2020 - 16H 34m

Vereador denuncia que obra abandonada da prefeitura virou foco de dengue

Vereador denuncia que obra abandonada da prefeitura virou foco de dengue
Tanque abandonado serve de foco para proliferação de mosquitos aedes aegypti

Ao discursar essa semana na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, dura, o vereador Roberto Tourinho (PV) expôs a situação do Centro Municipal de Diagnóstico por Imagem (CMDI) Dr. Eugênio Laurine, cujas obras estavam sendo realizadas no Bairro Baraúnas. O parlamentar criticou a paralisação da construção e cobrou agilidade do Governo Municipal. De acordo com Tourinho, as obras para a sede do CMDI tiveram início no dia 3 de outubro de 2017 e a conclusão estava prevista para ser cumprida dentro do prazo de exatamente um ano. Entretanto, o edil evidenciou que as obras, com recursos da ordem de R$ 1.061.137,37, estão paradas há mais de um ano e meio, “enquanto a prefeitura paga o aluguel de um imóvel na avenida Maria Quitéria”. O parlamentar declarou ter visto “toda a parte elétrica, portas, pisos e materiais de construção completamente vulneráveis, sendo apanhado por vândalos. Uma fedentina de fezes e urina pelo abandono da obra”. E afirmou que “os moradores estão reclamando sobre a existência de um grande tanque abandonado, funcionando como reservatório de mosquitos Aedes aegypti”. Em aparte, o presidente do Legislativo, vereador José Carneiro Rocha (PSDB), esclareceu que, em alguns casos, as empresas vencedoras das licitações “mergulham no preço e não conseguem concluir as obras. Mas, a Prefeitura está tomando todas as providências no sentido de fazer um destrato contratual com essa empresa e, consequentemente, convocar a segunda ou fazer uma nova licitação”. O argumento do colega não convenceu Roberto Tourinho que reforçou o fato da Prefeitura, após um ano e meio do processo, ainda não conseguir regularizar a situação e dar andamento às obras.

Feira de Santana / 07 de março de 2020 - 07H 34m

Cintia Machado é a nova secretária de Habitação

A ex-vereadora Cintia Daltro Machado é a nova secretária de Habitação e Regulação Fundiária de Feira de Santana. Ela assume o cargo que estava vago após a volta do vereador Eli Ribeiro à Câmara de Vereadores. A sua nomeação foi publicada na edição extra do Diário Oficial Eletrônico deste sábado, 7 de março.  A nova secretária declarou que pretende “dar continuidade ao trabalho que já estava sendo feito pelo ex-secretário e dar o melhor para ajudar as pessoas e somar no governo”.

Feira de Santana / 03 de março de 2020 - 18H 29m

Projeto permite que o prefeito se ausente do Município sem a autorização legislativa

Nesta segunda-feira (03), foi aprovado, em primeira discussão e por maioria dos presentes, pela Câmara Municipal, o Projeto de Emenda à Lei Orgânica do Município de nº 116/2019, de autoria do Poder Executivo, que altera um inciso da Lei Orgânica do Município de Feira de Santana. A alteração diz respeito ao prefeito ausentar-se do Município. A partir de agora o chefe do executivo poderá viajar sem a autorização legislativa da Câmara Municipal, por mais de 15 dias consecutivos. Antes, a viagem do prefeito só era possível com autorização da Câmara. Os edis Roberto Tourinho (PV), Isaías de Diogo (PDT), Luiz da Feira (PCdoB), Alberto Nery (PT) e Eremita Mota (PSDB) votaram contrário à proposição.

 

 

Colunista / 03 de março de 2020 - 15H 00m

Um olhar sobre o legislativo

Por Anne Aguilar*

Acompanhar as sessões da Câmara Municipal de Feira de Santana não é exatamente um programa agradável. O que deveria representar um orgulho de cidadania, está longe de ser a tradução do que necessitamos. Seja pela qualidade e funcionalidade dos projetos apresentados, seja pela pobreza dos discursos e da defesa do povo, ou ainda pela performance catastrófica do que tentam ser palhaços – mas precisam aprender muito com os profissionais de circo – é muito triste constatar a nossa representatividade atual. Mais triste ainda é saber que isso se não se restringe apenas à esfera municipal. Nos dias em que há manifestações populares na Casa da Cidadania, a realidade fica ainda mais difícil de ser encarada. Primeiro porque expõe um problema social não solucionado, que de uma maneira ou de outra atinge a todas camadas da sociedade. Segundo porque chega a ser cômico – ou trágico – presenciar o palanque que é feito por muitos dos edis, que se aproveitam da situação – e da plateia- , para ratificar um falso apoio à causa e fazem discursos completamente distintos daqueles feitos quando a galeria não está cheia. Mas o que nos deixa ainda mais tristes é perceber que boa parte dos manifestantes, que talvez não acompanhe o cotidiano dos trabalhos legislativos, se deixa levar pelos discursos inflamados daqueles que têm o talento de “jogar a favor da torcida”. Tudo isso é triste, porque é um reflexo da sociedade; embora enquanto civis, estejamos andando a passos largos no que diz respeito ao envolvimento com a política, ainda estamos longe do suficiente para enxergarmos com a clareza necessária quem, de fato está nos representando e batalhando por uma cidade melhor e mais justa para todos. Até quando?

*Anne é jornalista fã de séries e acompanha tudo que acontece em Feira e no mundo tentando não ser notada. 

Câmara de Feira / 02 de março de 2020 - 15H 03m

De máscara, vereador pede cancelamento da Micareta 2020

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta segunda-feira (02), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Edvaldo Lima (PP) informou que dará entrada em um pedido de cancelamento da Micareta de Feira 2020 no Ministério Público para, segundo ele, evitar a proliferação do Coronavírus. Em tom teatral e usando uma máscara cirúrgica descartável, Edvaldo Lima anunciou o que vai fazer. “A festa é porta de entrada para esse vírus. Eu pedi suspensão do Carnaval para evitar que o vírus entrasse no Brasil, mas não me ouviram e já temos um caso confirmado no país. Portanto, peço que cancelem a Micareta para que não tenhamos nenhum caso em Feira de Santana”. Ele ainda agradeceu ao presidente da Casa, vereador José Carneiro Rocha (PSDB) por atender ao seu pedido de disponibilizar álcool gel nas dependências da Câmara Municipal de Feira de Santana.

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov