×

Busca

(1344) registro(s) encontrado(s) para a busca: Saúde
Feira de Santana / 10 de julho de 2024 - 14H 59m

Nova empresa garante pagamento pontual e melhoria no atendimento à saúde de Feira de Santana

Em 2024, houve uma significativa redução no atraso de pagamento de salários e benefícios aos funcionários contratados pela Prefeitura de Feira de Santana. Esse problema, que foi alvo de muitas reclamações em 2023, foi mitigado por meio de mudanças implementadas pelo prefeito Colbert Filho. Uma das principais alterações foi a substituição do Imaps pelo Instituto Nossa Senhora da Vitória (INSV), uma organização com atuação nacional.

“O comportamento de empresas como a Imaps não deve ser generalizado”, afirmou o prefeito Colbert Filho. “Além do compromisso de parceiros mais responsáveis, o governo agora realiza um maior controle sobre o Orçamento de 2024, que foi aprovado dentro do prazo. Diferente de 2023, quando enfrentamos grandes dificuldades devido ao atraso na aprovação do Orçamento na Câmara”, explicou Colbert. Ele também ressaltou que, por contrato, a empresa tem a obrigação de pagar os salários em dia mesmo diante de eventuais atrasos no repasse.

Além do cumprimento dos prazos legais para o pagamento dos salários, houve investimentos em equipamentos e na melhoria do atendimento aos pacientes e familiares.

O INSV está operando em várias Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Postos de Saúde da Família (PSF) de Feira de Santana, além da Policlínica do Tomba, que é destaque em atendimentos. O Instituto trouxe para Feira de Santana uma sólida reputação e vasta experiência em cuidados de saúde e administração de unidades públicas em estados como Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Sergipe. Na Bahia, o INSV já atua em Salvador, Jacobina, Itaberaba e Santo Amaro.

Feira de Santana / 28 de junho de 2024 - 12H 56m

Secretária de Saúde entrega 48 novos leitos em Feira e anuncia requalificação completa do Clériston Andrade

Secretária de Saúde entrega 48 novos leitos em Feira e anuncia requalificação completa do Clériston Andrade
Foto: Blog do Velame

Maior unidade do interior do estado, o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), em Feira de Santana, recebeu 48 novos leitos nesta sexta-feira (28). A ampliação é parte de um investimento de R$ 10 milhões pelo Governo do Estado no município.

A entrega oficial da nova estrutura foi realizada pela Secretária de Saúde da Bahia, Roberta Santana, e contou com a presença de autoridades políticas, a exemplo do deputado federal Zé Neto (PT) e dos vereadores Emerson Minho (DC), Silvio Dias (PT), Professor Ivamberg (PT) e Luiz da Feira (PP).

De acordo com a Secretária de Saúde, a entrega dos novos leitos vem fortalecer o setor de neurocirurgia do hospital, que se tornou referência no país na especialidade. Já são mais de mil procedimentos realizados, atendendo Feira e região.

“Hoje o Clériston é o segundo hospital que mais regulamos pacientes para neurocirurgia. Foram realizadas mais de mil neurocirurgias aqui no hospital. São 48 leitos dedicados e exclusivos para neurocirurgia. Então é a ampliação da oferta de serviços e de leitos, mas também o atendimento humanizado. São quartos climatizados, com toda condição para um paciente que foi submetido a esse procedimento”, pontuou Santana.

Na oportunidade, a gestora antecipou que o Governo do Estado realizará um novo investimento na unidade, apresentando uma licitação para a requalificação completa do hospital.

“A gente vai anunciar nos próximos dias uma licitação de R$ 47 milhões para requalificação de todo o Clériston Andrade e mais a ampliação do serviço de hemodinâmica. Serão mais 12 leitos de UTI. Vamos bater quase 80 leitos de UTI somente aqui”, concluiu a secretária.

Feira de Santana / 28 de junho de 2024 - 00H 17m

Secretaria de Saúde de Feira de Santana passa a funcionar em novo endereço

Secretaria de Saúde de Feira de Santana passa a funcionar em novo endereço
Foto: Divulgação/PMFS

Em função da possível construção do tão sonhado Hospital Municipal, a Secretaria Municipal de Saúde passa a funcionar em novo endereço. O prédio fica localizado  na Avenida Getúlio Vargas, n 2751, no bairro Santa Mônica.

Alguns serviços de atendimento ainda continuam sendo prestados na antiga sede, apesar da mudança, segundo a Prefeitura. A Central Municipal de Regulação (CMR), o Transporte Fora de Domicílio (TFD), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e a Divisão de Assistência de Alta e Média Complexidade (DAMAC) integram os setores que continuam localizados na Avenida João Durval.

As equipes da Vigilância Sanitária, Vigilância Epidemiológica, Ouvidoria, coordenação das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e Policlínicas municipais, o gabinete da pasta e Atenção Básica de Saúde migraram para a nova sede.

O horário de funcionamento segue sem alteração nos dois espaços. O atendimento ao público acontece das 7h às 17h, sem intervalos.

Feira de Santana / 25 de junho de 2024 - 21H 35m

Governo do Estado promove ações de saúde e cidadania em Feira de Santana

Os moradores de Feira de Santana terão acesso a diversos serviços de saúde, a exemplo de exames, consultas oftalmológicas e procedimentos odontológicos nos próximos dias 27 e 28 (quinta e sexta). Promovida pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), em parceria com as Voluntárias Sociais da Bahia, a Feira Saúde Mais Perto funcionará no campo ao lado do Shopping Boulevard. Com a expectativa de alcançar 12 mil atendimentos, a feira vai disponibilizar consultas e exames como ultrassonografia, Raio-X e Eletrocardiograma, além de serviços de cidadania, com emissão de RG e CPF, através do SAC Móvel.

Os procedimentos de odontologia incluem cirurgias odontológicas de baixa complexidade, aplicação de flúor, restauração e tratamento de canal. Na área de oftalmologia, serão ofertadas consultas, cirurgias de catarata e limpeza de lente de cirurgiados de catarata.Também será disponibilizada emissão de documentos – primeira e segunda vias do RG e antecedentes criminais. Para emissão de RG, é necessário apresentar certidão de certidão de nascimento ou casamento.

Em 2024, já foram realizadas 46 edições da Feira Saúde Mais Perto em 45 municípios. Ao todo, desde 2023, mais de 600 mil atendimentos foram realizados na ação. Para acesso aos serviços, os usuários deverão apresentar Cartão SUS, RG, comprovante de residência, comprovante de vacinação contra a Covid-19 e requisição médica – para realização de exames de ultrassonografia.

“A Feira é mais uma ferramenta do Governo do Estado no processo de regionalização da saúde, levando atendimento de qualidade e fortalecendo as ações da Atenção Primária em todas as regiões. Em Feira de Santana, o Estado se faz muito presente em virtude das lacunas deixadas pela gestão municipal, e aplica, por ano, mais de R$ 570 milhões na saúde”, afirma Edvaldo Gomes, coordenador do projeto.

Saúde / 24 de junho de 2024 - 18H 19m

Febre Oropouche: feirenses que apresentam febre ou dores após viagem devem procurar unidades de saúde

Febre Oropouche: feirenses que apresentam febre ou dores após viagem devem procurar unidades de saúde
Foto: Divulgação/PMFS

Com o fim dos festejos juninos, nesta segunda-feira (24), os feirenses já começam a retornar para a Princesa do Sertão e, muitos deles, trazendo na bagagem diversos sintomas.

A orientação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) é que, em caso de febre, enjoo, diarreia, dor de cabeça ou no corpo, a população deve procurar as unidades de saúde para avaliação, diante da circulação da Febre Oropouche e a confirmação da primeira morte pela doença na Bahia.

Conforme a secretária de saúde, Cristiane Campos, o objetivo é intervir de maneira rápida a fim de evitar complicações que podem ser causadas por esse agravo.

 “Aqui em Feira tivemos a confirmação de um caso que foi leve. O paciente sentiu os primeiros sintomas em um dia, no outro já procurou nosso ambulatório e no terceiro dia ele estava recuperado. Mas a doença pode se apresentar de uma forma diferente em outras pessoas e, por isso, estamos alertando à comunidade. Não é a fim de apavorar, mas prevenir”, ressaltou, completando em seguida.

“É uma doença com sintomas muito similares à dengue e que pode passar despercebida por essa razão. Pelo fato de ser transmitida por um mosquito, já estamos articulando estratégias que podem combater esses dois problemas”, concluiu.

Feira de Santana / 17 de junho de 2024 - 14H 18m

Por motivos de saúde, vice-reitora da Uefs renuncia ao cargo

Por motivos de saúde, vice-reitora da Uefs renuncia ao cargo
Foto: Reprodução

A professora Evanilda Carvalho, por motivos de saúde, decidiu renunciar ao cargo de vice-reitora da Universidade Estadual de Feira de Santana. Ao lado de Amali Mussi, a chapa eleita em 2023 com mais de 70% dos votos válidos, foi a primeira composta unicamente por mulheres a vencerem uma eleição na Uefs.

“A Vice-reitora, Profa. Dra. Evanilda Souza de Santana Carvalho, nossa querida professora Eva, apresentou na manhã desta segunda-feira sua carta de renúncia ao cargo, motivada pelo seu atual estado de saúde. Nós, gestores e gestoras, acompanhamos de perto o delicado histórico de saúde da Profa. Eva que, subitamente, passou a exigir um novo grau de atenção e cuidado. Em função de uma recomendação médica de afastamento temporário, a Profa. Eva tomou a difícil decisão de renunciar ao cargo. Entendemos a complexidade dessa decisão e a apoiamos integralmente, sabendo que, neste momento, se afastar das suas atividades laborais é o melhor caminho para seu bem-estar”, afirma um trecho da nota divulgada nesta segunda-feira (17) pela reitora da Uefs, Amali Mussi.

Ainda no comunicado, foi informado que a vacância do cargo de vice-reitor será preenchida dentro dos limites legais

“Neste momento, a nossa única urgência é expressar nosso carinho e apoio à Profa. Eva Carvalho. Sua dedicação, luta e amor pela universidade nos tocam profundamente. Cada passo dado por ela em nossa instituição deixa uma marca de inspiração e força. Toda a comunidade universitária está unida desejando à professora, colega e acima de tudo amiga, uma recuperação plena”, finalizou a nota assinada pela reitora da Uefs.

Assembleia / 17 de junho de 2024 - 12H 45m

Prestando contas: deputado Binho Galinha faz balanço de suas atividades na área da saúde

Em uma breve prestação de contas do mandato neste primeiro semestre, a assessoria do deputado Binho Galinha passou dados das emendas parlamentares impositivas para esse ano de 2024, fazendo aportes significativos na área da saúde, não apenas em Feira de Santana, mas, em 5 outras cidades da Bahia, nas proximidades, argumentando, que o maior volume foi para Feira e nas outras, por entender, que colocando recurso nas cidades próximas, diminui a pressão na rede de saúde feirense.

O deputado colocou emenda de R$300 mil para o município de Cícero Dantas, para a aquisição de uma ambulância, que já foi entregue, nos últimos dias. R$150 mil já está disponibilizado no orçamento para o fundo municipal de saúde da cidade de Valente, como repasse de recurso financeiro. Outra dotação financeira de R$120 mil, foi para a prefeitura de Cruz das Almas. E para o município de Ipecaetá R$170 mil, para atender parte das necessidades na área da saúde.

Binho Galinha fez um levantamento, através de sua assessoria e detectou necessidades prementes em outras unidades hospitalares que não apenas a de Feira de Santana, onde no primeiro momento já foram disponibilizados em equipamentos, um valor superior a R$1.500.000 reais, diretamente para o Hospital Dom Pedro de Alcântara. Foram contempladas ainda a Santa Casa de Misericórdia de Oliveira dos Campinhos, em Santo Amaro, com R$150 mil. R$279.900 foram indicados para o Hospital Bom Samaritano, em Riachão do Jacuípe. Depois de ter colocado R$120 mil para o fundo de saúde de Cruz das Almas, o deputado indicou mais R$200 mil para a Santa Casa de Misericórdia da mesma cidade.

O deputado ao ser questionado o porquê de um volume tão disperso nas emendas impositivas, ele se justificou: “O que todos nós ouvimos na imprensa, e temos conhecimento, porque fazemos visitas nas cidades diversas da Bahia, o grande clamor da população é a área da saúde. E nada melhor do que injetar recursos nas Santas Casas e outros hospitais das cidades onde foram contempladas”, disse.

Ele informou ainda que além dos recursos de mais de um milhão e meio para a Santa Casa de Feira, colocou para o mesmo hospital mais uma emenda de R$130 mil reais, em recursos diretos para o custeio da unidade. O deputado anunciou que suas emendas não se restringiram apenas a saúde, mas, outras áreas como educação, serão divulgadas com a consolidação do orçamento

Política / 08 de junho de 2024 - 22H 50m

Deputado propõe construção de unidades de saúde para doenças raras na Bahia

Deputado propõe construção de unidades de saúde para doenças raras na Bahia
Foto: Divulgação

O deputado estadual Pablo Roberto (PSDB) apresentou um Projeto de Indicação sugerindo ao governador Jeronimo Rodrigues (PT) a construção de unidades de saúde de referência em doenças raras na Bahia, em cada um dos territórios de identidade do estado.

De acordo com a justificativa do deputado, que se baseou em dados do Ministério da Saúde, “estima-se que existam, ao menos, 5 mil diferentes tipos de doenças classificadas como raras na atualidade, cujas causas podem estar associadas a fatores genéticos, ambientais, infecciosos, imunológicos, entre tantos outros fatores”.

“Compõem este grupo de doenças as anomalias congênitas, os erros inatos do metabolismo, os erros inatos da imunidade, as deficiências intelectuais, entre outras doenças, e a maioria possui algum tipo de componente genético. Algumas das doenças raras têm ocorrência restrita a grupos familiares ou indivíduos”, citou o parlamentar baiano.

Pablo Roberto mencionou ainda que a Bahia, atualmente, não possui unidades de saúde com foco no atendimento a essas demandas.

“É imprescindível, portanto, que seja realizado o mapeamento da incidência de doenças raras no estado e, em seguida, promova-se a implantação de centros para atendê-las, especialmente em grandes centros, como a capital baiana e Feira de Santana, expandindo-se posteriormente a todos os territórios de identidade”, declarou.

Por fim, Pablo reforçou que a proposta visa garantir que os cidadãos baianos tenham acesso a diagnósticos e tratamentos adequados para doenças raras, “melhorando a qualidade de vida das pessoas afetadas por essas condições”.

Feira de Santana / 27 de maio de 2024 - 16H 04m

Novo hospital de Feira de Santana promete trazer o que há de mais moderno em saúde, com 170 leitos e atendimento a 30 convênios

Novo hospital de Feira de Santana promete trazer o que há de mais moderno em saúde, com 170 leitos e atendimento a 30 convênios
Foto: Divulgação

A saúde em Feira de Santana está prestes a alcançar um novo patamar com a construção de um hospital de última geração, graças à parceria entre o Grupo Nobre e a União Médica. Com 40% da obra já concluída, a nova unidade hospitalar promete trazer o que há de mais moderno e eficiente para o atendimento de saúde na região. O novo hospital em Feira de Santana promete revolucionar a saúde na região. Um projeto visionário e inovador, que trará benefícios significativos para a comunidade, tanto na área da saúde quanto na educação.

Projetado para ser um marco na cidade, o hospital contará com 170 leitos, 08 salas cirúrgicas equipadas com tecnologia de ponta, 20 leitos de UTIs e um pronto atendimento. A recepção moderna garantirá conforto e praticidade para os pacientes e visitantes. “O projeto foi elaborado com atenção aos mínimos detalhes, incorporando sistemas avançados de ar condicionado, hidráulica, energia, gases medicinais e segurança contra incêndios”, destaca o arquiteto Ivan Rocha, responsável pela obra.

Estrutura Imponente e Moderna

O hospital será dividido em três blocos. O primeiro bloco, que inclui parte do antigo Hospital Materdei, foi todo reestruturado e ampliado, preservando a icônica escada, um símbolo histórico importante para a cidade. Este bloco terá dois pavimentos, abrigando a cozinha, pronto-socorro, emergência, enfermarias, além de alguns apartamentos.

“O segundo bloco, com quatro pavimentos, acomodará o centro de imagem, o centro cirúrgico com 08 salas, a UTI com 20 leitos e a hotelaria, que inclui os apartamentos e enfermarias. Este bloco será um exemplo de modernidade e funcionalidade, focado em proporcionar o melhor atendimento aos pacientes”, explica Ivan Rocha.

O terceiro bloco será um edifício garagem de cinco pavimentos, com a frente voltada para a Avenida Eduardo Fróes da Mota (Av. de Contorno). Este prédio será destinado ao estacionamento rotativo, atendendo tanto clientes e visitantes quanto os profissionais que atuarão na unidade. Além disso, abrigará toda a infraestrutura de apoio, como sistemas de gases medicinais, geradores, subestação elétrica e sistema de vácuo.

Inovação Tecnológica e Atendimento Humanizado

De acordo com André Guimarães, diretor-presidente da União Médica, o hospital será equipado com um parque de imagem de última geração, incluindo tomografias com multicanais, ressonância, raio x, ultrassom, e uma estrutura onde será possível fazer exames de forma rápida para dar suporte à emergência.

“O objetivo é poder dar diagnósticos desde um tromboembolismo pulmonar a uma dissecção de aorta de maneira célere e ágil, integrado ao pronto atendimento. Inclusive o deslocamento do paciente será de maneira muito rápida e ativa. Também teremos serviços de hemodinâmica, neuro, ortopedia, tudo interfaceado a um sistema integrado de tecnologia que permitirá diagnósticos cada vez mais precisos, com suporte para telemedicina e interfaces digitais. Além disso, teremos uma UTI ultramoderna com leitos individualizados e um centro cirúrgico com salas amplas e preparado para cirurgia robótica”, afirma André Guimarães.

“Na UTI, teremos uma assistência de qualidade com foco na humanização e no conforto para o paciente e seus familiares. No centro cirúrgico, contaremos com salas amplas e todas as incorporações médicas necessárias para realizar procedimentos convencionais e minimamente invasivos, incluindo a cirurgia robótica”, detalha André Guimarães.

Educação e Pesquisa de Alta Qualidade

Além de atender a mais de 30 planos de saúde e particulares, o novo hospital também terá uma forte vocação educativa. “Pensamos em fazer um hospital voltado para a educação, com projetos de pesquisa, pós-graduação, mestrado e doutorado. Isso permitirá a formação de novos médicos e o desenvolvimento profissional dos jovens formados na região, além de criar um campo de trabalho para os médicos formados aqui”, explica o professor Jodilton Souza, empresário do Grupo Nobre. Ele acredita que o hospital será um grande passo para Feira de Santana, proporcionando atendimento de alta qualidade e oportunidades educacionais.

“Feira de Santana está prestes a receber um hospital que não só atenderá as demandas atuais, mas também se posicionará como uma referência em inovação e qualidade no setor de saúde. A expectativa é alta para essa transformação significativa que está por vir”, afirmou André Guimarães.

Sustentabilidade, Responsabilidade Social e Acreditação Hospitalar

A nova unidade de saúde também se destaca pelo compromisso com a sustentabilidade, seguindo as diretrizes de ESG (Environmental, Social, and Governance). “Utilizaremos energia solar, reaproveitamento de água e resíduos, e geradores que funcionam com energias renováveis. Nosso objetivo é modernizar o hospital e cuidar do meio ambiente”, disse André Guimarães. ESG representa um conjunto de critérios que avaliam o impacto ambiental, social e a governança de uma empresa, garantindo que suas operações sejam sustentáveis e responsáveis.

Além disso, pensamos em papel zero dentro do hospital com tudo digital. inclusive nosso prontuário eletrônico será implementado com modelos de acreditação hospitalar, garantindo segurança e eficiência no atendimento aos pacientes.

“Queremos que este hospital seja um exemplo de modernidade e cuidado com o meio ambiente, adotando práticas sustentáveis. Além disso, estamos empenhados em seguir rigorosos padrões de acreditação hospitalar, garantindo conformidade com todos os requisitos dos órgãos competentes,” complementa André Guimarães.

Impacto Positivo na Comunidade

Segundo o professor Jodilton Souza, diretor-presidente do Grupo Nobre,a população de Feira de Santana tem crescido rapidamente, gerando uma superlotação na rede hospitalar. “Com este novo hospital, poderemos atender não só Feira de Santana, mas também as cidades circunvizinhas. É um projeto grandioso, que vai atender todas as especificações dos melhores hospitais do Brasil”, destaca o professor Jodilton. Ele ressalta que a unidade será equipada com tecnologia de inteligência artificial, como sistemas do tipo Alexa, para melhorar ainda mais a experiência dos pacientes.

“Se fizermos uma pesquisa em Feira de Santana, veremos que as principais queixas passam por segurança e saúde. Estamos dando uma contribuição significativa e deixando um legado importante com a construção deste hospital”, finaliza Jodilton Souza.

Política / 21 de maio de 2024 - 15H 28m

Por falta de insumos, algumas unidades de saúde suspendem realização de exames preventivos às mulheres

Por falta de insumos, algumas unidades de saúde suspendem realização de exames preventivos às mulheres
Foto: Reprodução

A situação da saúde municipal foi motivo de bronca por parte do vereador de oposição, Professor Ivamberg (PT), na Câmara. Segundo ele, diversas UBS (Unidade Básica de Saúde) têm suspendido a realização do exame papanicolau, o preventivo, por falta de lamínulas e espectros, insumos necessários para o exame.

Uma das unidades que suspendeu, temporariamente, a realização do procedimento foi a UBS do bairro Aviário. O oposicionista lamentou a situação, cobrando providências por parte do Município.

“Precisa ser normalizado. O papanicolau permite o diagnóstico de infecções, doenças sexualmente transmissíveis e alguns tipos de câncer genital. Nós percebemos que o Município não trabalha com a prevenção”, advertiu.

Como o nome “preventivo” sugere, o exame pode detectar lesões de forma precoce e permite o diagnóstico nas fases iniciais de diversas doenças. “Isto nos deixa bastante triste, principalmente porque sabemos que a Secretaria de Saúde é a pasta com maior orçamento da cidade e vem apresentando essas ocorrências negativas permanentemente”, concluiu Ivamberg.

NOTA DA PREFEITURA 

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que não há falta de insumos e outros materiais necessários para a realização de atendimentos e exames preventivos para o público feminino. O abastecimento é feito regularmente, e, caso haja necessidade, um reabastecimento extra é realizado prontamente.

De janeiro até esta terça-feira (21), a SMS realizou 5.372 procedimentos para o exame citopatológico, essencial para o rastreamento do câncer do colo do útero.

Para ser atendido, é necessário agendar o exame nas Unidades de Saúde da Família (USFs) e Unidades Básicas de Saúde (UBSs) dos bairros, através da Central Municipal de Regulação.

Política / 17 de maio de 2024 - 00H 40m

Jurandy Carvalho defende criação de serviço móvel de saúde para atender comunidades da zona rural de Feira

Jurandy Carvalho defende criação de serviço móvel de saúde para atender comunidades da zona rural de Feira
Foto: Divulgação

Diante das dificuldades logísticas para um atendimento de saúde adequado nas comunidades rurais de Feira de Santana, o vereador Jurandy Carvalho (PSDB) defendeu a criação de um serviço móvel na rede municipal para atendimentos nas localidades.

O tucano sugeriu que a Prefeitura de Feira desenvolva o programa “Saúde Móvel Rural”, com o objetivo de levar, no mínimo duas vezes por mês, os procedimentos disponibilizados na rede às localidades que não possuem Unidade de Saúde da Família (USF), ou onde estas fiquem localizadas a grande distância dos usuários.

“Acompanhamos, no dia a dia, a dificuldade que as pessoas passam ao buscar tratamento de saúde na zona rural. Às vezes, chegam a andar entre 15 a 70 quilômetros para conseguir uma vaga. E em razão disto, tem comunidade onde o morador está sem ir ao médico há aproximadamente quatro anos,” explicou Jurandy.

Segundo o edil, Tiquaruçu, Jaguara e Ipuaçu são exemplos de locais onde a população enfrenta o problema. Com equipe composta por médico clínico, odontólogo, enfermeiro e técnico de enfermagem, as visitas aos distritos deveriam ocorrer num intervalo de 15 em 15 dia, acrescentou ele.


Organizada desta forma, a unidade móvel conseguiria atender comunidades longínquas como Amarela e Formosa (Governador João Durval), e Barra e Sete Portas (Jaguara). A proposta detalhada será encaminhada, oficialmente, à secretária Municipal de Saúde, Cristiane Campos.

“É urgente a criação de um serviço deste tipo, pois se trata de um suporte de suma importância para quem precisa de atendimento. Inclusive, já estamos preparando o documento contendo a sugestão para entregar à gestora da pasta”, concluiu o vereador.

Bahia / 02 de maio de 2024 - 21H 35m

Bahia envia bombeiros militares e profissionais de saúde para auxiliar no socorro às vítimas das chuvas no RS

Bahia envia bombeiros militares e profissionais de saúde para auxiliar no socorro às vítimas das chuvas no RS
Foto: Divulgação

Para auxiliar no socorro às vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul, o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMB) enviou, na tarde desta quinta-feira (2), 22 bombeiros com experiência em situações de emergências decorrentes de desastres naturais.

Também embarcaram no Aeroporto Internacional Luís Eduardo Magalhães, profissionais de saúde, entre médicos e enfermeiros, enviados pela Secretaria de Saúde (Sesab). Mais de 20 mortes foram registradas além do rompimento de uma barragem, alagamentos e deslizamentos de terra em cidades gaúchas.

“Nós estamos com a equipe totalmente bem preparada, bem equipada, estamos levando equipamentos. Sabemos das dificuldades nesse momento que nossos irmãos estão sofrendo. Estamos embarcando agora com 22 bombeiros especialistas para ajudar no resgate daquelas pessoas. E também, nós estamos encaminhando quatro médicos e um enfermeiro da nossa Secretaria da Saúde para também dar apoio lá no estado do Rio Grande do Sul” disse o comandante-geral do CBMB, coronel Adson Marquezine.

O comandante-geral destacou ainda que, neste primeiro momento, a necessidade é de resgate e socorro. “O Corpo de Bombeiros está preparado para fazer buscas e resgate das pessoas que o estão necessitando”, completou.

Comandante da missão Rio Grande do Sul, o coronel Jadson Almeida explicou que todos os bombeiros selecionados são especialistas nesse tipo de catástrofe.

“A princípio, seremos designados para a cidade de Caxias do Sul, onde já houve alguns desabamentos, alguns soterramentos, e nós vamos atuar nessa missão. Nós também enfrentamos esse tipo de calamidade e nós nos preparamos antecipadamente para que possamos dar o melhor retorno à população”, afirmou.

Saúde / 18 de abril de 2024 - 10H 48m

Ministério da Saúde amplia faixa etária para vacinação contra a Dengue

Nesta quinta-feira (18), o Ministério da Saúde anunciou a ampliação da faixa etária elegível para a vacinação contra a Dengue. Anteriormente restrita a jovens de 10 a 14 anos, a cobertura foi estendida para incluir crianças e adolescentes de 6 a 16 anos. O ajuste visa aproveitar as doses próximas do vencimento em 30 de abril. Até agora, a Bahia distribuiu 170.469 doses para 125 municípios, mas cerca de 22 mil doses com validade até abril ainda não foram utilizadas.

O documento ministerial indica que a estratégia poderá se expandir para pessoas de até 59 anos e 11 meses, dependendo do estoque disponível nos municípios.

A secretária da Saúde do Estado da Bahia, Roberta Santana, avalia que, “além de assegurar a segunda dose para todos que iniciarem o esquema vacinal, a medida ministerial busca reduzir a incidência de Dengue entre a população mais jovem e otimizar recursos”.

Ainda não há detalhes sobre qual será a estratégia adotada em Feira de Santana.

Micareta 2024 / 16 de abril de 2024 - 13H 11m

Secretária da Saúde vistoria unidades que terão reforço no atendimento durante a Micareta de Feira

Secretária da Saúde vistoria unidades que terão reforço no atendimento durante a Micareta de Feira
Foto: Divulgação/Sesab

A Micareta de Feira de Santana só começa oficialmente na quinta-feira (18), mas para garantir que toda a estrutura da saúde do Estado esteja preparada para atender possíveis demandas, a secretária da Saúde do Estado, Roberta Santana realizou, na última segunda-feira (15), uma série de inspeções no Hospital Clériston Andrade (HGCA), Hospital Estadual da Criança (HEC), na Policlínica Regional de Saúde e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município.

Durante a festa, as unidades que fazem parte da rede estadual de saúde funcionarão em esquema especial para reforçar o atendimento e garantir que baianos e turistas possam curtir com toda a estrutura necessária.

No Hospital Geral Clériston Andrade, a secretária analisou de perto o fluxo de atendimento, buscando garantir que a demanda decorrente da Micareta não comprometa a qualidade dos serviços prestados. A unidade terá um aumento de 20% no efetivo para garantir a assistência durante o período festivo.

“Temos investimento de cerca de R$ 800 mil na Micareta. Nós estamos assegurando o atendimento através do reforço nas equipes médicas, de enfermagem e administrativa, além da elevação do estoque de medicamentos e insumos. Esse reforço vai acontecer no Clériston e em todas as unidades da rede estadual no município. Temos consciência do tamanho da Micareta, da quantidade de baianos e turistas que irão curtir a festa e da nossa responsabilidade com a saúde de todos. O Governo do Estado e a Sesab não estão medindo esforços para que o folião possa aproveitar a festa com tranquilidade, sabendo que, se precisar, terá assistência à saúde qualificada à sua disposição”, destaca.

Durante a folia, o Clériston também contará com o plantão do Centro de Atendimento a Múltiplas Vítimas, com equipe de plantão que será acionada em caso de desastres ou emergência, além de uma UTI móvel e duas ambulâncias básicas que estarão de prontidão para realizar a transferência de pacientes para hospitais na capital.

Ao todo, 470 plantões planejados irão reforçar a assistência, acompanhar e atender a população durante os dias da festa.

A Vigilância à Saúde vai manter um estande de testagem rápida para Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) e distribuir 500 mil preservativos, além de materiais informativos, para prevenir a propagação de doenças e a gravidez indesejada.

11 de abril de 2024 - 09H 01m

INSV Saude

Política / 27 de março de 2024 - 17H 06m

Câmara aprova, por unanimidade, recomposição salarial dos professores, agentes de saúde e de endemias

Câmara aprova, por unanimidade, recomposição salarial dos professores, agentes de saúde e de endemias
Foto: Divulgação/Câmara de Vereadores

A Câmara de Vereadores de Feira de Santana aprovou, nesta quarta-feira (27), em segunda votação, o projeto de lei que prevê recomposição salarial de 4% nos vencimentos dos professores, especialistas em educação, secretários da rede municipal de ensino, agentes comunitários de saúde e de combate às endemias.

O projeto, de autoria do Poder Executivo Municipal, estende o reajuste dado ao servidor público feirense a estas categorias, uma vez que não foram contempladas pela lei sancionada no final do ano passado pelo prefeito Colbert Martins.

Uma vez aprovado, em segundo turno, o dispositivo legal vai ser sancionado pelo prefeito e, após publicação no Diário Oficial Eletrônico, passa a vigorar, com efeito retroativo a maio de 2023.

Ao final do processo, a presidente da Casa da Cidadania, a vereadora Eremita Mota (PSDB), destacou a participação popular, nas galerias, durante as sessões em que o projeto foi apreciado.

“Com toda a certeza, fez a diferença. A presença de dezenas de servidores entre nós foi estimuladora, no sentido de que nós, vereadores, tenhamos dado a devida importância ao tema”, disse ela.

Saúde / 25 de março de 2024 - 14H 03m

Secretaria de Saúde de Feira confirma terceiro caso de raiva em morcego

Secretaria de Saúde de Feira confirma terceiro caso de raiva em morcego
Foto: Divulgação/PMFS

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Feira de Santana confirmou o terceiro caso de raiva em morcego neste ano. O animal foi encontrado no bairro Cidade Nova.

A equipe do Centro Municipal de Controle de Zoonoses (CCZ) esteve no local e realizou as ações preventivas de proteção.

Caso um morcego morto seja encontrado, a população é orientada a acionar imediatamente o Centro de Zoonoses pelo número (75) 9 9851-8583 para que o animal seja recolhido e submetido a exames para verificar se estava infectado com o vírus da raiva.

Todos os casos de agressões aos seres humanos envolvendo cães e gatos, devem ser encaminhados para o setor da antirrábica sediado no Centro de Saúde Especializado Dr. Leone Coelho Lêda (CSE) para acompanhamento.

VACINAÇÃO

Mesmo com o fim da campanha de vacinação antirrábica, a imunização continua sendo realizada com frequência nos bairros onde foram encontrados os animais infectados.

A imunização dos animais também pode ser feita na sede do CCZ, localizada na avenida Eduardo Fróes da Mota, S/N.

Feira de Santana / 22 de março de 2024 - 00H 45m

Woman Health Unilogos 2024: Promovendo o Bem-Estar e a Conscientização da Saúde Feminina

Nos dias 25 a 27 de março de 2024, será realizado o aguardado evento Woman Health Unilogos, um encontro de três dias que visa abordar questões cruciais relacionadas à saúde da mulher. Organizado por renomados profissionais da área da saúde e com o apoio do Instituto Francis Silveira, o evento promete ser uma fonte de informação e orientação para todas as mulheres interessadas em cuidar melhor de sua saúde física e mental.

A frente da organização do evento estão Luíza Moura, uma enfermeira, além de ser psicanalista e sexóloga; a Dra. Michele Aparecida Cerqueira Rodrigues, especialista em Neurologia Pediátrica; o Dr. Francis Moreira da Silveira, médico psiquiatra e o Dr. Uanderson Pereira da Silva, médico. Juntos, eles trazem uma vasta experiência e conhecimento para o evento, garantindo uma programação abrangente e enriquecedora.

O Woman Health Unilogos 2024 é uma iniciativa da UNILOGOS®, em colaboração com suas faculdades e departamentos, a FACMED, a Universidade Moura Lacerda, a Associação Brasileira de Ciências Naturais (ABCN) e a Academia Brasileira de Acupuntura (ABA). Além disso, conta com o apoio de importantes parceiros e do Projeto de Responsabilidade Social da ABMES – Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior.

O evento contará com palestras públicas, que serão transmitidas através dos canais oficiais, proporcionando acesso amplo e democrático ao conhecimento. Aqueles que desejarem obter um certificado de participação poderão se inscrever de acordo com o regulamento disponível no website do evento. É importante ressaltar que tanto o evento quanto o certificado são gratuitos, reforçando o compromisso com a democratização do acesso à informação sobre saúde feminina.

Para mais informações e inscrições, acesse o site oficial do evento: Woman Health Unilogos 2024. Não perca essa oportunidade de se informar e cuidar melhor da sua saúde!

Política / 20 de março de 2024 - 23H 00m

Em Brasília, Colbert se reúne com Ministra da Saúde

Em Brasília, Colbert se reúne com Ministra da Saúde
Foto: Divulgação

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, vice-presidente de Infraestrutura da Frente Nacional de Prefeitas e Prefeitos (FNP), integrou uma comitiva da entidade que se reuniu com a ministra da Saúde, Nísia Trindade, em Brasília, na última terça-feira (19).

A pauta do encontro foi a revisão da lista de cidades selecionadas para receberem a vacina contra a dengue.

Também participaram da audiência o prefeito de Campinas/SP, Dário Saadi, vice-presidente de Saúde da FNP; o secretário-executivo da FNP, Gilberto Perre; e o prefeito de Ribeirão Preto/SP, Duarte Nogueira, vice-presidente de Relações com o Congresso Nacional.

Saúde / 20 de março de 2024 - 22H 59m

Dengue: com quase 800 casos confirmados, Feira recebe visita de equipe do Ministério da Saúde

Dengue: com quase 800 casos confirmados, Feira recebe visita de equipe do Ministério da Saúde
Foto: Divulgação

A pedido da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), uma equipe do Ministério da Saúde veio à Bahia para inspecionar o cenário da dengue no estado, iniciando por Feira de Santana e Vitória da Conquista, e auxiliar nas ações de combate e prevenção à doença nos municípios, que estão entre os 272 em epidemia no Estado. As funcionárias do MS visitaram as duas cidades nesta quarta-feira (20) para sugerir iniciativas que possam incrementar o trabalho já realizado pelo Governo da Bahia em parceria com as equipes municipais e aperfeiçoar a assistência à população.

“São dois municípios com epidemia alta e é importante esse trabalho conjunto com o Ministério da Saúde, para que possamos contar com a experiência da equipe vinda de Brasília e também ter um olhar externo para construirmos novos caminhos e seguirmos com as ações que vêm dando certo. Tudo isso com foco na população e na prevenção de novos óbitos pela dengue em nosso estado”, explica a superintendente de Proteção e Vigilância em Saúde, Rívia Barros.

Em Feira de Santana, a avaliação é que o trabalho do MS possa auxiliar numa melhor resposta do município nas ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, vetor da dengue, chikungunya e Zika, na prevenção das doenças e num suporte mais adequado na atenção básica. Equipes da Sesab detectaram uma subnotificação de casos e necessidade de maior ajuda da gestão de saúde municipal. A organização da rede de atenção básica é fundamental para conter a dengue e evitar novos casos graves e óbitos, de acordo com Morgana Caraciolo, epidemiologista da Coordenação Geral de Vigilância das Arboviroses do Ministério da Saúde.

“Cada município é uma realidade, um gestor. Existe uma diversidade de cenários e sabemos o que tem sido feito na Bahia porque temos realizado esse monitoramento, não só aqui, como nos demais estados. Estamos aqui para avaliar e apoiar o estado com ações e orientações do Centro de Operações de Emergências do ministério”, analisa Morgana.

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov