×
Entrevista / 21 de julho de 2021 - 01h 20m

Entrevista: Dermatologista fala sobre cuidados no inverno e efeitos da covid-19 na pele

Entrevista: Dermatologista fala sobre cuidados no inverno e efeitos da covid-19 na pele

Durante o inverno, mesmo em cidades mais quentes como Feira de Santana, a umidade do ar baixa e as temperaturas mais frias levam à diminuição na transpiração corporal deixando a pele mais seca.  O Blog do Velame conversou com a dermatologista Lara D’Affonseca, da clínica Saúde Center, sobre os efeitos do tempo frio na pele. A médica falou também sobre consequências da covid-19 na pele.

Qual a principal diferença dos cuidados com a pele no inverno?

A temperatura mais fria provoca a diminuição da transpiração corporal e com isso a pele tende a ficar mais seca. Por isso é importante investir em hidratantes corporais intensivos nesta época do ano. Não esquecendo de ingerir bastante líquido e manter uma alimentação saudável.

É mesmo necessário usar protetor solar mesmo se for ficar o dia inteiro em casa no inverno?

Sim! O protetor solar é indispensável até mesmo dentro de casa nos dias nublados. A luz azul ( lâmpadas, luz do celular, computador etc) podem manchar a pele e a longo prazo podem também causar câncer de pele. Então, protetor solar facial deve ser usado diariamente.

Os cuidados devem ser diferentes dependendo do tipo de pele? Por exemplo, pele oleosa e pele seca tem cuidados diferentes?

Existem dermocosméticos específicos para cada tipo de pele. Por este motivo a consulta com o dermatologista se torna indispensável para que o paciente seja orientado a fazer uso dos produtos corretos para o seu tipo de pele. Evitando o uso equivocado de produtos e também o gasto desnecessário com aquilo que não é o ideal para sua pele.

É verdade que banho frio é bom para a pele?

Para pacientes que tem a pele ressecada o ideal seria sim o banho frio porque ajuda a manter a umidade cutânea . Mas como no inverno é complicado uma rotina de banhos frios o que oriento é tomar banhos mornos e rápidos, evitando assim o ressecamento extremo da pele.

Existe já estudo sobre efeito da covid-19 na pele?

Sim. Existem alguns relatos de caso que evidenciam alterações cutâneas provenientes da infeção pelo coronavírus. Sendo que as lesões na pele podem muitas vezes ser um sinal de alerta antecipado da doença como também ser o único sinal clínico evidente em todo o curso da infecção.
Manifestações cutâneas mais relatas foram: exantemas (manchas vermelhas que podem ser de vários tipos ) , urticária e isquemia de extremidades

Qual dica fundamental você dá para manter a pele do rosto e do corpo saudáveis no inverno?

Usar hidratantes corporais intensos após os banhos. Evitar banhos muito quentes e demorados.
Hidratantes para o rosto também são importantes e devem ser usados de acordo com cada tipo de pele. Ingerir uma média de 2L de água por dia. Manter uma alimentação saudável rica em vitaminas e antioxidantes. São cuidados básicos que devemos manter nesta época do ano.

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov