×
Feira de Santana / 19 de fevereiro de 2021 - 04h 57m

Show em bar feirense causa aglomeração em meio a aumento de casos de Covid-19

Show em bar feirense causa aglomeração em meio a aumento de casos de Covid-19

Um bar em Feira de Santana gerou aglomeração após publicar que um cantor famoso da cidade estaria realizando um show dentro do estabelecimento na noite desta quinta-feira (18), um dia antes de dar início ao decreto oficial do toque de recolher no estado. Indo contra todos os decretos estadual e municipal referente ao distanciamento social para evitar a proliferação do novo coronavírus, o bar teria colocado o ingresso a R$ 50, e, de acordo com os comentários na publicação nas redes sociais, não teve reserva de mesa, causando aglomeração, como é possível ver nas imagens do vídeo que o BNews teve acesso.  O cantor Thiago Aquino subiu ao palco em meio aos fãs que estavam sem máscara de proteção, recomendadas pelas autoridades de saúde para evitar a proliferação do vírus. Nesta quinta (18), a cidade registrou cerca de 129 casos confirmados da Covid-19. Ao todo, mais de 24 mil pessoas foram infectadas em Feira de Santana.  E, mesmo com tantos casos na cidade, os estabelecimentos parecem não estar preocupados com a situação da saúde, segundo uma moradora local que não quer se identificar. “Esse bar não tem fiscalização, vive gerando aglomeração e ainda faz questão de postar nas redes sociais a falta de responsabilidade, sendo que aqui tá com casos de corona todos os dias”, comentou.  Procurada pelo BNews, a assessoria do cantor Thiago Aquino informou que, no momento, não irá se pronunciar sobre o evento. A reportagem tentou entrar em contato com o bar, no número de telefone disponível nas redes sociais, mas não houve sucesso.  Em relação à prefeitura de Feira, o secretário de Proteção à Violência, Moacir Lima, explica que esse bar já tem problemas há algum tempo em relação à aglomeração. “Esse bar já vem dando algumas dificuldades para nós, então a gente vai fazer uma notificação a ele, vamos hoje fazer uma visita, o Procon vai levar uma notificação a ele, nós vamos estar iniciando a fiscalização do decreto do governo, aliado ao prefeito, e o perfeito aderiu ao decreto e nós iremos ter sim um foco maior em cima desse pessoal, se encontrar vamos levar para delegacia e também há risco de ter alvará cassado diante dessa determinação”, explicou ao BNews.  Vale lembrar que a partir desta sexta (19), a Bahia inicia com o toque de recolher imposto pelo governador Rui Costa (PT) para conter o contágio da Covid-19 no estado. Até o momento, mais de 11.062 pessoas morreram no estado em decorrência do coronavírus. (Informações do BNews)

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov