×
Câmara de Feira / 05 de março de 2020 - 06H 53m

Eli Ribeiro anuncia retorno à Câmara de Vereadores

O vereador licenciado Eli Ribeiro (Republicanos) compareceu a Câmara Municipal de Feira de Santana, nesta quarta-feira (04), para informar que a partir da próxima segunda-feira (09) voltará a Casa da Cidadania. Eli Ribeiro ocupou o cargo de secretário municipal de Habitação, durante três anos e três meses, e foi exonerado da pasta a pedido. A exoneração foi publicada no Diário Oficial de hoje. Com o retorno de Ribeiro, a edil Cíntia Machado deixará a Câmara de Vereadores.

 

Café das 6 / 04 de março de 2020 - 11H 07m

ENTREVISTA: Depressão e novas tecnologias

Café das 6 / 04 de março de 2020 - 10H 52m

Café das 6 – 04/03/2020

Feira de Santana / 03 de março de 2020 - 18H 40m

Colbert defende Ronaldo e reafirma confiança em servidores que tiveram bens bloqueados

“Todos continuam merecendo a minha confiança”, afirma o prefeito Colbert Martins Filho, sobre os quatro ocupantes de cargos na Administração, bem como também o ex-prefeito José Ronaldo, que sofreram bloqueio de bens pela Justiça Federal, conforme noticia a imprensa, em desdobramento de processo envolvendo o contrato de uma Cooperativa de Saúde. Esta cooperativa prestou serviços para o Município, na área de saúde, até ser afastada devido a denúncias do Ministério Público, de supostas irregularidades. Entre os integrantes da Administração Municipal que tiveram os bens bloqueados, a secretária de Saúde Denise Mascarenhas e o ex-procurador geral do Município e atual superintendente de Defesa do Consumidor (Procon) Cleudson Almeida. “Essas pessoas farão a sua defesa, em uma decisão que tem caráter liminar. Mantenho a minha confiança em sua inocência e continuarão o seu trabalho”, afirma o prefeito. Colbert se manifesta solidário ao ex-prefeito José Ronaldo, a quem sucedeu no cargo e que também teve bens bloqueados pela Justiça no mesmo processo. “É um homem honrado, com mais de 50 anos de vida pública sem qualquer mácula à sua imagem e que tem grande credibilidade junto a população. Haverá de confirmar a sua inocência”. Em relação a informação divulgada por um site de que a sua gestão não conseguiu comprovar a execução de serviços da ordem de 14 milhões de reais, relativos ao contrato com a extinta Coofsaude, o prefeito diz que ela não procede. As contas de 2018 da Prefeitura foram aprovadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Em seu relatório sobre o exercício, o TCM diz exatamente o contrário, ao reconhecer “a ausência de qualquer indicativo de que os serviços não foram prestados”.

Feira de Santana / 03 de março de 2020 - 18H 29m

Projeto permite que o prefeito se ausente do Município sem a autorização legislativa

Nesta segunda-feira (03), foi aprovado, em primeira discussão e por maioria dos presentes, pela Câmara Municipal, o Projeto de Emenda à Lei Orgânica do Município de nº 116/2019, de autoria do Poder Executivo, que altera um inciso da Lei Orgânica do Município de Feira de Santana. A alteração diz respeito ao prefeito ausentar-se do Município. A partir de agora o chefe do executivo poderá viajar sem a autorização legislativa da Câmara Municipal, por mais de 15 dias consecutivos. Antes, a viagem do prefeito só era possível com autorização da Câmara. Os edis Roberto Tourinho (PV), Isaías de Diogo (PDT), Luiz da Feira (PCdoB), Alberto Nery (PT) e Eremita Mota (PSDB) votaram contrário à proposição.

 

 

Colunista / 03 de março de 2020 - 15H 00m

Um olhar sobre o legislativo

Por Anne Aguilar*

Acompanhar as sessões da Câmara Municipal de Feira de Santana não é exatamente um programa agradável. O que deveria representar um orgulho de cidadania, está longe de ser a tradução do que necessitamos. Seja pela qualidade e funcionalidade dos projetos apresentados, seja pela pobreza dos discursos e da defesa do povo, ou ainda pela performance catastrófica do que tentam ser palhaços – mas precisam aprender muito com os profissionais de circo – é muito triste constatar a nossa representatividade atual. Mais triste ainda é saber que isso se não se restringe apenas à esfera municipal. Nos dias em que há manifestações populares na Casa da Cidadania, a realidade fica ainda mais difícil de ser encarada. Primeiro porque expõe um problema social não solucionado, que de uma maneira ou de outra atinge a todas camadas da sociedade. Segundo porque chega a ser cômico – ou trágico – presenciar o palanque que é feito por muitos dos edis, que se aproveitam da situação – e da plateia- , para ratificar um falso apoio à causa e fazem discursos completamente distintos daqueles feitos quando a galeria não está cheia. Mas o que nos deixa ainda mais tristes é perceber que boa parte dos manifestantes, que talvez não acompanhe o cotidiano dos trabalhos legislativos, se deixa levar pelos discursos inflamados daqueles que têm o talento de “jogar a favor da torcida”. Tudo isso é triste, porque é um reflexo da sociedade; embora enquanto civis, estejamos andando a passos largos no que diz respeito ao envolvimento com a política, ainda estamos longe do suficiente para enxergarmos com a clareza necessária quem, de fato está nos representando e batalhando por uma cidade melhor e mais justa para todos. Até quando?

*Anne é jornalista fã de séries e acompanha tudo que acontece em Feira e no mundo tentando não ser notada. 

Café das 6 / 03 de março de 2020 - 09H 36m

O vereadorvírus de Feira

Café das 6 / 03 de março de 2020 - 08H 15m

Café das 6 – 03/03/2020

Câmara de Feira / 02 de março de 2020 - 15H 03m

De máscara, vereador pede cancelamento da Micareta 2020

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta segunda-feira (02), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Edvaldo Lima (PP) informou que dará entrada em um pedido de cancelamento da Micareta de Feira 2020 no Ministério Público para, segundo ele, evitar a proliferação do Coronavírus. Em tom teatral e usando uma máscara cirúrgica descartável, Edvaldo Lima anunciou o que vai fazer. “A festa é porta de entrada para esse vírus. Eu pedi suspensão do Carnaval para evitar que o vírus entrasse no Brasil, mas não me ouviram e já temos um caso confirmado no país. Portanto, peço que cancelem a Micareta para que não tenhamos nenhum caso em Feira de Santana”. Ele ainda agradeceu ao presidente da Casa, vereador José Carneiro Rocha (PSDB) por atender ao seu pedido de disponibilizar álcool gel nas dependências da Câmara Municipal de Feira de Santana.

Opinião / 02 de março de 2020 - 10H 01m

Os vereadores de Feira merecem seu voto?

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov