×
Café das 6 / 01 de junho de 2020 - 08H 37m

Café das 6 – 1 de junho 2020

Feira de Santana / 31 de maio de 2020 - 09H 02m

Feira tem segundo menor índice de mortes por coronavírus entre cidades com mais de 500 mil habitantes

Entre 20 municípios pesquisados com população acima de meio milhão de habitantes, incluindo uma capital, Feira de Santana apresenta o segundo menor índice de óbitos e tem o quarto menor número de infectados pela Covid-19. O município de Contagem, Minas Gerais, apresenta melhor situação. Foram registrados 144 casos da doença e dez óbitos. Na paranaense Londrina, 366 pessoas foram testadas positivas para a covid-19, com 22 mortes. Em Feira de Santana, até a sexta-feira, 29, são 531 os infectados e 12 não resistiram à doença. A infectologista Melissa Falcão afirmou que a Prefeitura está adotando todas as medidas ao seu alcance para que os números parem de crescer. Joinville, em Santa Catarina, registrou 422 casos da infecção, com 20 óbitos. Aracaju foi a capital que teve os maiores números observados. Lá, 3.784 pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus – destas, 65 não resistiram. Com índice de letalidade na faixa de 2% dos infectados, Feira de Santana apresenta percentual bem abaixo destes municípios, que apresentam números próximos ou acima de 5%. Há três meses foi diagnosticado o primeiro caso desta doença no município. O município de Osasco, localizado na região metropolitana de São Paulo, é a cidade que apresenta maior número de infectados, com 3.613 casos positivos e 318 óbitos. Em Jaboatão dos Guararapes foram registrados 1.601 pessoas com a covid-19 e 299 óbitos.

Feira de Santana / 30 de maio de 2020 - 18H 55m

Comércio de Feira ficará fechado até 8 de junho

Será prorrogado até o dia 8 de junho, o decreto municipal que vence dia primeiro (segunda-feira), estabelecendo restrições para o funcionamento da atividade econômica em Feira de Santana, em razão da pandemia da Covid-19. A decisão do prefeito Colbert Martins Filho foi adotada no final de tarde deste sábado e anunciada em sua conta no Instagram. Apenas empresas do comércio e serviços de caráter essencial tem permissão da administração municipal para  funcionar. Não há qualquer modificação no decreto que se encontra em vigor. Manter as restrições para atividades que não sejam essenciais neste momento faz parte da estratégia do prefeito Colbert Martins Filho (médico e professor universitário de epidemiologia) e dos  especialistas da Secretaria Municipal de Saúde para conter o avanço das infecções  por coronavírus.  A publicação da prorrogação do decreto acontecerá na edição deste domingo, 31, do Diário Oficial Eletrônico do Município.

Bnews / 29 de maio de 2020 - 14H 45m

Rui releva que não consegue falar com Colbert

Feira de Santana registrou um aumento na taxa de crescimento do novo coronavírus. São 413 casos confirmados da doença. De acordo com o governador Rui Costa (PT), em entrevista à rádio Piatã, nesta sexta-feira (29), o crescimento na segunda maior cidade da Bahia chegou a 54% em cinco dias. Na quarta-feira (27), o petista deu “sinal vermelho” para o município.  O prefeito Colbert Martins (MDB), no entanto, afirmou, durante coletiva online na noite da quinta (28), que a situação na cidade está controlada e que o “sinal vermelho” que o governador se referiu já havia sido acionado no início de março, quando, segundo ele, a gestão deu início a uma série de ações de combate ao vírus na ausência da iniciativa do governo. “Não precisa ninguém ligar sinal vermelho para a gente”, disparou Colbert. “Quando um não quer, dois não brigam. Eu estou nessa ‘vibe’, quero paz e amor. Não brigo com ninguém. Ontem, tentei falar com Colbert duas vezes e não consegui, apenas no final da tarde. Não podemos partidarizar, a principal ação é cuidar das vidas humanas. É evidente que é para ligar o sinal de alerta em uma cidade que tem um aumento de 54% em cinco dias. Antes de trocar palavras temos que ter atitude de forma organizada”, comentou Rui. (Bnews)

Café das 6 / 29 de maio de 2020 - 08H 36m

PROGRAMA CAFÉ DAS 6 – 29 MAIO 2020

Política / 28 de maio de 2020 - 18H 00m

Bolsonarista pré-candidata a vereadora em Feira é processada por fake news

Por: Pedro Vilas Boas (Bnews)

Dois novos nomes surgiram como suspeitos de participação na fake news envolvendo a administração do Hospital Espanhol, na Barra. Agora, Cristiana Santana Pereira Ribeiro está sendo processada por calúnia, difamação e injúria como uma das autoras da mentira. O outro investigado é Jair Roberto Rosa, que seria o autor da mensagem encaminhada ao presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). Na última segunda-feira (25), o senador Otto Alencar (PSD), uma das vítimas da fake news, informou, durante sessão no Senado, que Ernando Peixoto havia sido identificado pela polícia e processado no caso. Segundo as investigações, também como autor da mentira. Otto, seu filho deputado federal Otto Alencar Filho, senador Angelo Coronel (PSD), o governador Rui Costa (PT) e o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, são vítimas da denúncia baseada em informações falsas que o governo do estado teria “entregue gratuitamente e sem licitação” a administração do Hospital Espanhol ao Instituto Nacional de Tecnologia da Saúde (INTS), empresa, segundo a mensagem encaminhada por Bolsonaro a Sergio Moro, pertencente a Otto Alencar Filho (PSD-BA). A mentira repassada por Bolsonaro com o então ministro da Justiça diz ainda que as refeições servidas no hospital de campanha seriam fornecidas por um preço seis vezes mais caro que o normal pelo senador Ângelo Coronel. Após Bolsonaro compartilhar a mentira pelo Whatsapp com Moro, Otto, seu filho e Coronel anunciaram que iriam recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF) especificamente contra o presidente da República. A Suprema Corte tem conduzido um inquérito que tem o objetivo de investigar uma organização criminosa que seria montada para disseminar fake news e destruir reputações públicas, inclusive dos ministros do STF. Na quarta-feira (27), diversas personalidades bolsonaristas, entre parlamentares e um blogueiro, foram alvos da operação. Em seu perfil no Facebook, Jair Roberto Rosa compartilha fake news, critica o isolamento social como medida preventiva contra o novo coronavírus e corrobora das críticas do presidente aos ministros do STF. “O verdadeiro culpado por toda essa corrupção é o STF, pois não faz valer a Justiça, facilitando assim a vida de políticos corruptos”. Diz uma imagem compartilhada por ele no último dia 17. Em outra postagem, Jair, que se identifica na rede social como major na empresa Artezanal, compartilha uma peça mentirosa com uma imagem da presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), ao lado de um rapaz, que seria Adélio Bispo, homem que esfaqueou o presidente Jair Bolsonaro durante a campanha eleitoral. Na verdade, não trata-se de Adélio. Uma publicação é dedicada a difamar a jornalista da TV Globo Miriam Leitão. Na imagem editada, ela aparece vestida com símbolos do comunismo, acompanhada da mensagem: “Para ela, quanto pior, melhor. Mensageira da desgraça”. Já Cristiana, em seu perfil no Instagram, se descreve como “defensora da família” e “em defesa da fé cristã”. Na conta do Facebook, se diz pré-candidata a uma cadeira na Câmara de Feira de Santana. Ela dedica suas postagens a ataques ao STF, imprensa e opositores de Jair Bolsonaro. “Me dê munição que eu atiro. Chega!”, escreve a cristã, acompanhado de um vídeo do Ernando Peixoto, também investigado no processo, compartilhando a mentira sobre o Hospital Espanhol. Em outra postagem Cristiana diz que o ministro da Educação, Abraham Weintraub, diz o que representa a milhares de brasileiros, incluindo ela mesma, quando chama os ministros do STF de “vagabundos” e pede a prisão deles. A reportagem entrou em contato com Jair e Cristiana, mas não obteve uma resposta até a publicação desta matéria.

Bnews / 28 de maio de 2020 - 17H 28m

Rui diz que vai conversar com Colbert para “alinhar” medidas restritivas em Feira

O governador Rui Costa (PT) afirmou nesta quinta-feira (28), em entrevista a veículos do Recôncavo e do sul da Bahia, que vai conversar ainda hoje com o prefeito Colbert Martins (MDB) para “alinhar” as próximas medidas a serem tomadas em Feira de Santana, para evitar a disseminação da Covid-19. “Vamos avaliar hoje, prefiro não antecipar medidas, mas dialogar com o prefeito agora de tarde e anunciar medidas para segurar o crescimento de casos em Feira”, avisa. O prefeito rebateu Rui, que durante uma live disse que Feira de Santana era uma das cidades baianas que mais preocupada o governo do estado. Segundo Colbert, os dados da própria Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) indicam uma taxa de 5,32% do aumento de casos diários, que colocaria a cidade na 78ª posição entre os municípios baianos. Com os crescentes relatos e denúncias de festas particulares e quebras do isolamento social, também em Feira, o governador diz que avalia propor medidas a Colbert Martins. Ele cita o toque de recolher, como ficou conhecida a restição de circulação a partir de determinado horário em diversas cidades, como Jequié, Ilhéus e Itabuna, assim como alguns bairros de Salvador. Rui explicou que a medida foi bem sucedida nos lugares onde foram aplicadas e chamou atenção daqueles que não tem levado o distanciamento social a sério. Ele diz que há relatos de comerciantes que fecham o bar para burlar a fiscalização, mas mantém os clientes dentro do estabelecimento, potencializando o risco de contágio com a doença. “Tem gente que comete quase um suicídio, entra um bnoteco, baixa a porta para o fiscal que passar achar que está fechado e todo mundo ali dentro respirando oxigênio e correndo risco ainda maior”, pondera.  (BNews) 

Feira de Santana / 28 de maio de 2020 - 12H 09m

Colbert admite que vai divulgar casos confirmados de Covid-19 por bairros

O prefeito Colbert Filho admitiu em entrevista coletiva online, nesta quinta-feira (28), que a divulgação dos bairros onde há moradores infectados por covid-19 é uma questão de tempo. A médica Melissa Falcão, coordenadora do Comitê de Controle do Coronavírus, na cidade havia antecipado a informação ao programa Café das 6 (Rádio Globo). Entretanto foi a primeira vez que o prefeito admitiu divulgar os dados. “Em momento adequado nós estaremos fazendo a divulgação já que não se trata apenas de um ou dois bairros, mas praticamente de todos bairros da cidade”, disse. Na coletiva, o prefeito estava acompanhado da secretária de Saúde, Denise Mascarenhas.

Feira de Santana / 28 de maio de 2020 - 11H 30m

Colbert rebate Governador e diz que dados da Sesab mostram que Feira mantém controle do coronavírus

Com o menor percentual de letalidade entre os municípios que registram o maior volume de casos de covid 19 e com um crescimento médio de apenas 5,32% no número de doentes, Feira de Santana ainda está numa situação de controle da epidemia de coronavírus, conforme avaliação do prefeito Colbert Martins, que também é professor de Epidemiologia.  “De acordo com dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), com crescimento médio de 5,32% dos casos, nos últimos cinco dias, Feira está em 78º lugar entre os municípios baianos. Temos também 2,04 de letalidade, a menor taxa comparando-se com municípios como Vitória da Conquista, Ilhéus, Salvador, Itabuna, Jequié e Ipiaú, conforme também  dados da Sesab”, destaca o prefeito. A fala do prefeito contradiz a declaração dada pelo Governador Rui Costa (PT) durante uma live. Ele afirmou que Feira era a cidade que mais preocupava o Estado, por conta do crescente aumento de casos confirmados (CLIQUE AQUI E RELEMBRE). Colbert usou informações da própria Secretaria Estadual de Saúde como dado positivo. “Também segundo a Sesab, Feira tem um percentual de 35,15% de recuperados, uma taxa maior que a do Estado da Bahia, que está em 34,17%”. O prefeito faz questão de frisar que Feira de Santana é o maior entroncamento rodoviário do Norte e Nordeste e, portanto, uma cidade muito vulnerável ao vírus, em razão da grande movimentação de pessoas de outras cidades e até de outros estados. “Do início de maio para cá, o Nordeste registrou um aumento de 80% nos casos de corona vírus e isso deve ser considerado quando se fala de Feira”, destaca. “Isso significa que as nossas medidas de combate ao vírus estão no caminho certo e podemos até torna-las mais rígidas, se for o caso”, alerta Colbert Martins.

Feira de Santana / 28 de maio de 2020 - 10H 11m

Prefeitura de Feira divulga que casos de coronavírus em jovens cresceu 180%

Entre os dias 18 e 25 de maio, em Feira de Santana a quantidade de jovens, entre 20 e 29 anos, que testaram positivo para a Covid-19, passou de 26 para 73 casos, crescimento de 180%. Entretanto, a faixa etária de 30 e 39 anos é a que apresenta maior número de contaminados, com 30,7% – foram 115 confirmações, isto contanto todo o universo de pessoas que contraíram a doença. O aumento é relacionado, por autoridades epidemiológicas, ao comportamento dos jovens, que se expõem aos vírus em festas privadas, encontros diversos com amigos ou disputas esportivas. Todas estas atividades estão proibidas em Feira de Santana, por decreto assinado pelo prefeito Colbert Martins Filho, que tem como objetivo evitar a formação de aglomeração, como meio de impedir a proliferação desta doença. Outro argumento é que este segmento relaciona a idade à resistência à contaminação, por não estarem inseridos a grupos de risco, bem como acredita, erroneamente, que não desenvolverão a forma mais grave da doença. O comportamento pode resultar em problemas mais graves, visto que eles podem levar o vírus para familiares idosos que estão cumprindo o distanciamento social. Os feirenses entre 20 e 49 anos são 73,6% dos contaminados pela Covid-19, parte importante da população mais apta a contribuir com a sua força de trabalho. Em termos relativos, 19,5% dos feirenses positivados para esta doença tem entre 20 e 29 anos, 37,7%, de 30 a 39 anos, e 22,4%, entre 40 e 49 anos. Os números são contabilizados até o dia 26.

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov